in

Sexo: Saiba os benefícios para a saúde

Sexo: Saiba os benefícios para a saúde

Você sabia que o sexo é ótimo aliado para a saúde? O orgasmo, por exemplo, é uma das melhores sensações mais intimas para os homens e mulheres. A cada dia, muitos cientistas descobrem novos efeitos dessa reação orgânica que, além de melhorar as emoções, faz muito bem para a pele e para a saúde.

Apesar de proporcionar qualidade de vida e prazer, uma pesquisa feita pela USP indicou que 70% dos brasileiros fazem pouco sexo do que declaram em conversas ou em pesquisas públicas. Por isso, o Minha Vida é um programa que estimula a pessoa a melhorar essa situação trazendo o que a ciência e cientistas andam dizendo por ai sobre os benefícios que uma vida sexual podem trazer ao corpo. Confira a seguir:

Alivia todas as crises de enxaqueca

O médico Neucenir Gallani diz que, o orgasmo libera todas as endorfinas que atuam no sistema nervoso que temos em nosso corpo. Ele ainda afirma que elas diminuem a sensibilidade à dor, relaxando a musculatura e melhora o humor no dia-a-dia.

Melhora a pele

Fazer sexo pela manhã, é um poderoso aliado da beleza e mantém a pele mais juvenil. Essa foi a conclusão de um estudo feito pela Universidade Queen no Reino Unido. De acordo com as pesquisas levantadas, atingir a fase do orgasmo aumenta todos os níveis de estrogênio e outros hormônios ligados ao brilho da pele e dos cabelos.

Além disso, quando o indivíduo realmente chega ao orgasmo, ocorre uma vasodilatação superficial dos vasos, aumentando a temperatura em algumas pessoas. Com isso, a pele ganha uma aparência de brilho natural e mais fresca.

Alivia as cólicas

O médico ginecologista Gallani faz questão de reforçar que isso não é uma regra exata, mas acontece sim com algumas mulheres. Os movimentos durante o sexo estimulam os órgãos internos das mulheres onde elas ficam mais relaxados e com isso, ocorre a diminuição das dores que incomodam o bem-estar nos dias da TPM.

Melhora quase 100% o sono

O relaxamento do orgasmo contribui de forma positiva para que você durma bem melhor, e nas apenas no dia que houver relação sexual. A reação tem efeito prolongado, por conta da ação dos neurotransmissores que passam a agir no organismo com uma quantidade maior e com mais regularidade.

Diminui o estresse

O médico faz questão de dizer que o orgasmo não ser encarado com um remédio para dormir ou em forma de calmante, mas como parte de uma relação afetiva que traz um prazer enorme. Quando isso acontece, os níveis de estresse diminuem não só pela estabilidade emocional, mas sim com os chamados hormônios do estresse, como o cortisol, que apresenta atividade reduzida.

Diminui o risco de infarto

Um estudo pela Universidade de Bristol, na Grã-Bretanha, realizado com homens de 45 a 60 anos, concluiu, que após 20 anos, que o sexo é frequente pode reduzir o risco de infarto fatais e os horríveis derrames. De acordo com a pesquisa, a morte súbita causada por problemas de coração é mais comuns no sexo masculino por possuir níveis baixos ou moderados de atividade sexual.

Escrito por Roseane Gouvea

Tenha um namorado para 2019 ser o melhor ano para você

Tenha um namorado para 2019 ser o melhor ano para você

Solidão: Saiba o que é e o que fazer ao se sentir sozinho

Solidão: Saiba o que é e o que fazer ao se sentir sozinho