in

Cachorro sente frio? Saiba tudo sobre aqui

Cachorro sente frio? Saiba tudo sobre aqui
Cachorro sente frio? Saiba tudo sobre aqui

Com a chegado do inverno, surge a dúvida se os cachorros sentem frio. E a resposta é sim, porém, não da mesma forma que o humano. Como as raças possuem pelagem variadas e espessuras da pele da camada, a sensação térmica varia bastante entre eles.

As raças que são adaptadas a regiões com climas gelados, que possuem pelo duplo, longo e denso, conseguem ser mais tolerante ao frio. Algumas raças como Akita e Husky integram nesse grupo mais resistente. E até mesmo essas raças podem sofrer hipotermia. A seguir, entenda melhor e veja como evitar esse problema.

Como vou saber se meu cachorro está com frio?

Para entender melhor, é preciso saber mais sobre como funciona o organismo do pet. Os cães são animais de sangue quente e conseguem regular a temperatura do seu corpo da mesma maneira que nós humanos. Por isso, os sinais de que o cachorro está com frio são muito parecidos com os nossos.

As primeiras reações quando o animalzinho está com frio, é quando ele começa a tremer e chacoalhar. Como é muito comum que os cães tremam quando eles estão com medo de algo, estressados ou eufóricos, o tutor deve procurar por mais sinais que evidenciam se ele está com frio.

O tutor também pode identificar o comportamento do animal quando um ele está com frio, isso inclui dormir mais que o normal, deitar em formato de bola para se aquecer e letargia. Alguns cachorros podem começar a chorar, latir sem motivo algum, resmungar, tudo isso numa tentativa de chamar a atenção do seu dono ou reagir algum desconforto.

Quando o cão tenta se aquecer, ele procura se esconder atrás, embaixo ou dentro de móveis e outros objetos. Outros pets, no entanto, assumem um comportamento mais inquieto e andam de um lado para o outro na tentativa de se aquecer ou de encontrar um lugar que faça ele ficar aquecido.

Afinal, todos os pets sentem frio da mesma maneira?

Mais ou menos. Isso porque algumas raças são mais adaptadas ás baixas temperaturas do que outras raças, porque são originárias de regiões frias, que influencia como o cachorro irá sentir frio.

Com o passar do tempo, as raças foram se adaptando para resistir no Frio. Muitas vezes o tutor consegue ter uma ideia da tolerância de cada animal ao observar algumas características próprias, como o tipo da sua pelagem.

No geral, a pelagem é um ótimo isolante térmico e consegue proteger o cachorro de receber ou perder calor. As pelagens duplas, longas e densas costumam ser visas em cães tolerantes ao inverno. E além disso, a gordura corporal também serve como um ótimo isolante. Ou seja, os cachorros mais magros tendem a sentir mais frio do que os cachorros mais gordos.

Atenção: o cachorro estar acima do peso coloca a sua saúde em risco.

Além das características físicas que destacamos ao longo desse artigo, é muito importante levar em consideração a idade do animal de estimação. Cachorros que são idosos e filhotes não conseguem regular a sua temperatura corporal e podem sofrer por quedas bruscas.

.

Aprenda a fazer o seu cachorro a parar de morder

Como devo cuidar de um cachorro cego?