in

Quer escolher uma fantasia para o seu cão? Confira algumas dicas

Todos nós sabemos que um pet fantasiado atrai milhões de olhares por onde ele passa. No entanto, antes de fantasia o seu cão, é preciso levar em consideração algumas dicas.

Atualmente, muitas pessoas escolhem fantasiar os seus pets em celebrações especiais como no Natal, carnaval e Halloween. As fantasias para os pets são muito engraçadas e podem ser uma boa oportunidade para a diversão em família. Mas antes de agradar o humano, é preciso analisar se o pet estará contente. Por isso, é primordial que o tutor tenha muito cuidado ao escolher a fantasia para que não prejudique o animalzinho.

Para escolher a fantasia ideal para os nossos pets, é importante ter em mente algumas diretrizes:

Sempre em primeiro lugar deve vir o conforto do animal

A fantasia pode ser ótima nos olhares de muitos, mas se não for confortável para o cachorro, ela simplesmente não funcionará. Embora fantasiar o cachorro seja para ser algo bonito e engraçado, o conforto deve estar em primeiro lugar.

E pela mesma razão, nunca devemos forçar o pet a permanecer com uma roupa que esteja incomodando. Além disso, lembre-se sempre que cada cachorro precisará do seu próprio tempo para se acostumar a usar uma fantasia. Como tutores devemos respeitar eles.

Compre materiais de boa qualidade

Quando pesquisamos na internet ou em lojas físicas para comprar uma fantasia para o nosso pet, encontramos figurinos de todos os estilos, preços e materiais. No entanto, as fantasias de melhor qualidade podem ser um pouco caras, mas sempre pense nesse quesito como um investimento.

O aconselhado é que a fantasia seja de materiais resistentes e tecidos hipoalérgicos. E também devemos olhar para a costura e suas extremidades, para evitar que o cão fique coçando ou que tenha uma irritação na pele.

Meça o seu cão para escolher o tamanho ideal

Pode parecer mais que óbvio, mas é um fator chave para escolher o traje para o seu pet. Antes de comprar, meça uma roupa do seu peludo e tire as medidas com calma.

O ideal é que o tamanho seja confortável para o pet para que ele possa se movimentar livremente. Ou seja, o traje não deve interferir em seus movimentos e muito menos ser apertada.

Não compre peças de vestuários com ornamentos e acessórios pequenos

Alguns figurinos possuem detalhes, ornamentos ou complementos que ajudam a compor o personagem da fantasia. Por isso, ao escolher a fantasia que o seu cão irá usar, preste bastante atenção nos botões e entre outros.

Esses enfeites pequenos podem fazer com que o cachorro engula. E enfeites grandes podem pesar, dificultando toda a movimentação do cão. 

Como falamos anteriormente, o pet deverá ter o seu próprio tempo para se adaptar ao seu novo traje. Especialmente se ele for aquele cão que não costuma usar esses tipos de roupas. A adaptação é feita de forma lenta e gradual. Ou seja, nenhum animal se adapta a uma nova realidade de um dia para o outro.

Você sabe o que é o espirro reverso?

Você sabe o que é o espirro reverso?

Ele tinha 3 anos e ninguém acreditou quando acusou o pai pelo desaparecimento da mãe: agora veio a verdade