in

Urgente: Guaidó grava vídeo ao lado de militares e diz que tem apoio deles para derrubar Maduro

O clima é tenso em toda a Venezuela

O líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, disse nesta terça-feira (30) que tem o apoio de um grupo de “bravos soldados”. A declaração foi feita em um vídeo gravado a partir de uma base aérea, em Caracas, e transmitido em suas redes sociais. O regime de Nicolás Maduro reagiu afirmando que está “enfrentando e desativando” um golpe de Estado.

“Hoje, bravos soldados, bravos patriotas, bravos homens ligados à Constituição têm vindo a nossa chamada. Nós também respondemos à chamada, encontramos definitivamente as ruas da Venezuela”, disse Guaidó em mensagem junto com um pequeno grupo de soldados de uma base militar.

O vídeo foi feito pouco depois da libertação do líder da oposição Leopoldo López, que estava em prisão domiciliar. Junto com Guaidó, ele ligou para chamar a população venezuelana a “tomar as ruas”.

Tropas leais a Guaidó se posicionam em Base de Caracas

Em resposta dos opositores ao chamado para a marcha das ruas, o ministro venezuelano de Comunicação, Jorge Rodríguez, afirmou que o governo de Nicolás Maduro está “confrontando e desativando” um plano de golpe.

“Informamos o povo da Venezuela que estamos enfrentando atualmente um pequeno grupo de tropas traidoras, que foram posicionados no Distribuidor Altamira para promover um golpe contra a Constituição e a paz da República”, disse o ministro.

A cada 5 dias uma mulher é vítima de feminicídio no Rio de Janeiro

Esqueceu do Leão? Corra! O último dia para declarar o Imposto de Renda é nesta terça-feira