in

Porque as pessoas mentem tanto?

Porque as pessoas mentem tanto?
Porque as pessoas mentem tanto?
Porque as pessoas mentem tanto?

A mentira é condição de si, mas também pode ser sintoma de outras questões psicológicas, como o transtorno de personalidade ou algum episódio de bipolaridade. O fato é que as pessoas mentem por acreditarem que isso terá alguma função e que a historia que inventaram irá significar algo importante.

Ainda que seja difícil de admitir, todo mundo já mentiu alguma vez na vida. Quantas vezes nos deparamos com vários problemas pessoais e respondemos que estava tudo bem na nossa vida? Ainda que seja uma mentira muito simples, ela não deixa de ser uma mentira.

As mentirinhas do dia a dia às vezes são recorrentes e não trazem sérios problemas para a sociedade. Porém, algumas pessoas não sabem se relacionar sem mentir e usam a mentira como ferramenta para driblar e prejudicar a vida de muitos. Essas pessoas que fazem isso não medem a consequência para manter a mentira firme e forte e não se importam se alguém ao seu redor está sendo prejudicado com isso.

As pessoas em si lidam de forma diferente com aquilo que sentem e embora a verdade seja a melhor saída, é possível que essa saída não seja suficiente para os mentirosos. Ele, no fundo, acaba contando as mentiras uma atrás da outra para não perder o respeito daqueles que convivem diariamente.

Uma mentira leva a outra e, de repente, aquilo que era “simples” acaba virando uma bola de neve. Isso porque, para cobrir cada mentira é necessário sempre estar contando outra mentira por cima, aí a coisa acaba saindo do seu controle. Para os mentirosos compulsivos, é difícil admitir uma mentira e ter que “baixar a guarda” totalmente.

Ninguém nasce sabendo mentir. A mentira, no entanto é um comportamento aprendido por interpretações ou repetições: se o individuo cresceu em um ambiente em que todos os que cercam mentem, é bem provável que ele também irá mentir na sua fase adulta. Além disso, as crianças que aprendem a tirar vantagens em cima das outras tendem a se tornar um adulto mentiroso para obter benefícios.

A psicologia explica que a mentira muitas vezes é falada como forma de proteção. Ainda que a mentira traga perdas e seja sempre um risco, ela funciona como um mecanismo de proteção para evitar alguma coisa em sua vida.

Na maioria do tempo a mentira é um comportamento inconsciente e que algumas pessoas que possuem um vazio dentro de si muito grande, acabam adotando a mentira como uma válvula de escape para fugir da realidade ou para não serem descobertos.

A mentira vira doença quando a pessoa mente compulsivamente, como um objetivo de se beneficiar de algo ou prejudicar a vida dos outros. Quem sofre desse problema mente sempre a respeito dos outros, sem nunca demonstrar nenhum tipo de arrependimento por isso. Por isso, psicólogos afirmam, que pessoas assim devem procurar ajuda de profissionais da área de saúde.

Contudo, demonstrar compreensão na vida das pessoas ajuda com que ela seja mais verdadeira consigo mesmo, assim como reconhecer como é bonito ver quando a pessoa está falando verdadeiramente e sendo honesta.

Escrito por Fabricio Pontes

Porque as mulheres gostam tanto de fazer compra?

Porque não nos lembramos da época que éramos bebê?

Porque não nos lembramos da época que éramos bebê?